planejamento-financeiro

Como fazer planejamento financeiro

Saber como fazer um planejamento financeiro é essencial para qualquer empresa que deseja manter seu negócio em funcionamento e competitivo no mercado. Afinal, é essa prática que vai orientar a tomada de decisão para garantir que uma empresa se torne rentável e sustentável no curto, médio e longo prazos.

Mas como? Analisando a situação econômica do negócio, prevendo o futuro financeiro e desenvolvendo planos de ação. Porém, muitos empreendedores ignoram o planejamento financeiro ou não dão a sua devida atenção.

Como resultado, não sabem o momento certo para investir em seu negócio nem estão prontos para os imprevistos. Para evitar que isso aconteça com você vamos explicar mais sobre esse tipo de planejamento.

Além de dar dicas de como começar a fazer isso hoje mesmo. Vamos lá?

O que é um planejamento financeiro e qual a sua importância?

O planejamento financeiro é o processo de avaliar a situação financeira atual de uma empresa para saber como ela irá financiar suas atividades para atingir os seus objetivos estratégicos. Para tanto, o planejamento financeiro deve descrever todas as questões relacionadas ao seu fluxo de caixa.

Ou seja, saber exatamente quanto dinheiro tem em caixa e de onde está entrando. Bem como quanto dinheiro está saindo e quais são essas despesas. Dessa forma, você saberá se terá dinheiro para quitar com suas obrigações financeiras.

Também saber quais são os seus maiores gastos e em qual área poderá fazer cortes. Além de visualizar melhor as áreas nas quais os recursos são mais necessários, como marketing e desenvolvimento de produtos. Não é só isso.

O planejamento financeiro é uma das formas da empresa projetar o futuro para garantir que o negócio continue a crescer e a sobreviver a longo prazo. Ou seja, através da projeção de receitas e despesas você saberá se tem fundos o suficiente para lidar com imprevistos.

Ou para aproveitar oportunidades de investimentos, como futuras aquisições. Caso não tenha, pode traçar estratégias que o ajudarão a identificar possíveis soluções para fazer uma reserva financeira. Por isso, o planejamento financeiro é importante para qualquer empresa e deve ser feito antes mesmo de iniciar qualquer empreendimento e antes de cada exercício financeiro.

Como fazer um planejamento financeiro para sua empresa?

Veja esse passo a passo para fazer o planejamento financeiro da sua empresa:

1. Entenda sua situação financeira

O primeiro passo para fazer um planejamento financeiro é analisar a situação financeira atual do seu negócio. Nesse contexto, é preciso fazer um levantamento sobre os saldos de todas as contas e as previsões de entradas. Além das despesas no curto e médio prazos.

Dessa forma, fica mais fácil identificar possíveis problemas financeiros e fazer intervenções. Nessa etapa você também precisa acompanhar a movimentação financeira dos últimos meses para entender como as finanças estão caminhando. Por exemplo, quanto foi seu faturamento no último ano?

Quanto isso representa de crescimento em relação ao ano anterior a esse? Como são os resultados da sua empresa no período de sazonalidade? Também avalie as suas despesas. Para isso responda: quais são minhas maiores despesas? Quanto cada uma delas representa de gasto?

2. Estabeleça metas financeiras

O próximo passo para fazer seu planejamento financeiro é estabelecer suas metas financeiras, ou seja, definir aonde você quer chegar depois entender onde sua empresa está. Alguns exemplos de metas financeiras para o seu negócio são:

●  Aumentar o faturamento em 20% ao mês;

●  Aumentar a lucratividade em 35% por ano;

●  Reduzir o custo fixo em 10%;

●  Aumentar a participação em 25%;

●  Quitar o empréstimo x em 1 ano;

●  Dobrar o número de clientes em 3 meses;

● Fazer uma reserva de emergência de R$10.000,00.

Uma dica para estabelecer suas metas financeiras é utilizar a metodologia SMART. Ela ajuda a definir metas de forma clara e objetiva para aumentar as suas chances de alcançá-la. Para isso, cada meta deve ser específica, mensurável, atingível relevante e temporal.

3. Faça projeções financeiras

Fazer um planejamento financeiro também envolve a previsão de vários cenários que podem impactar no resultado financeiro do seu negócio com base em fatores que podem se tornar reais no futuro. Dessa forma, a empresa pode criar planos de ação. Como fazer isso na prática?

Com base no seu planejamento, altere uma variável e avalie o impacto no fluxo de caixa. Para entender melhor, vamos a um exemplo. Digamos que você quer comprar uma máquina para aumentar sua produção e, consequentemente, seu faturamento. Como isso impactaria seu negócio?

Precisaria contratar mais uma pessoa para operá-la? Seria necessário investir em mais estratégias de vendas para dar vazão a essa produção? Agora pense nos possíveis cenários relacionados a isso. Num cenário otimista você comprou a máquina e a abertura de novos canais de venda permitiu que você explorasse toda capacidade produtiva dela.

E sem precisar contratar mais funcionários. Já num cenário realista você precisou investir mais em marketing e vendas para dar vazão a esse novo volume produzido. Num cenário pessimista você contratou mais funcionários e teve uma crise financeira no país, o que gerou uma diminuição das vendas. O que fazer?

4. Planeje-se para as contingências

Tomando ainda com base o exemplo anterior vimos que existem vários cenários relacionados a uma tomada de decisão e como cada cenário impactou o fluxo de caixa, não é? No cenário otimista as vendas foram superiores aos gastos. Já no cenário realista, as entradas e saídas estavam mais equilibradas.

Porém no cenário pessimista houve muitos gastos, como a compra da máquina e a contratação de mão de obra. Além de poucas vendas em decorrência de uma crise no mercado. Como se planejar para isso? Você precisa ter reservas financeiras no caixa para sobreviver em tempos difíceis.

E traçar planos de contingências, como decidir se vai dispensar os funcionários mais antigos ou mais novos, caso precise reduzir despesas. Se reduzir a equipe, quantos trabalhadores serão o suficiente para atender a uma determinada demanda sem comprometer a qualidade do serviço?

5. Registre todas as operações financeiras

Não basta apenas fazer um planejamento financeiro se você não registrar todas as operações financeiras e monitorar os números. Pois é dessa forma que você saberá se está caminhando em direção às suas metas financeiras. Caso contrário, isso ajuda a identificar possíveis problemas para fazer ajustes.

A melhor maneira para registrar tudo e acompanhar seu planejamento financeiro é contar com a ajuda de um software de controle financeiro. O sistema oferece funcionalidades como, fluxo de caixa, contas a receber, contas a pagar, controle de vendas e controle de compras.

Ou seja, ele tem todas as funcionalidades essenciais para você registrar todas as operações financeiras do seu negócio. O software de controle financeiro ainda emite relatórios personalizados com informações precisas e valiosas para a tomada de decisões.

Conclusão

Agora que você já sabe como fazer um planejamento financeiro para a sua empresa, mãos á obra e comece a construir um negócio de sucesso hoje mesmo. Lembre-se: apostando em uma software de controle financeiro, será ainda mais fácil monitorar suas finanças para saber se está no caminho certo.

Ah! Na hora de escolher um software de controle financeiro não deixe de testar várias opções do mercado e avaliar bem o custo-benefício. 

Gostou do conteúdo? Ficou alguma dúvida? Fale conosco!

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Marcadores:

Search
Generic filters
Exact matches only

SOBRE O AUTOR:

Gabriela Cruz
Redatora do Simples Agenda

O Simples Agenda é um software de gestão empresarial e agendamento online.

Assine nossa Newsletter:

O melhor conteúdo de marketing na sua mão!

Se inscreva na nossa newsletter e receba conteúdo de qualidade gratuitamente!

Novo Titulo para popup

Novo Texto do popup

Fique por dentro do Marketing Digital

Se inscreva agora na nossa newsletter

Você receberá tudo que há de novo sobre Marketing Digital. Relaxe, não enviaremos spam!

ELIAS COELHO

GUIA CRIATIVO

“LEMBRA DAQUELE CARA QUE DESISTIU? NEM VOCÊ NEM NINGUÉM”

Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele. Pois é, na verdade é um nome artístico, escolhido pelo próprio para… Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele. Pois é, na verdade é um nome artístico, escolhido pelo próprio para… Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele.