Pessoa elaborando o seu plano de marketing

Plano de Marketing para empresas: a solução que todos procuram

Todo empreendedor, independente do porte da sua marca, precisa ter um plano de marketing para empresa como um dos processos necessários.  Neste conteúdo você vai aprender o que é um plano de marketing para empresas, os 4 pontos para sua elaboração, dicas de estratégias e 1 case de sucesso do Twitter. Então, vamos começar pelas definições?

O marketing ajuda a dar visibilidade à marca no mercado, captação de clientes e auxiliar no desenvolvimento de estratégias de comunicação. E, o plano de marketing é uma ferramenta de gestão utilizada regularmente pelo seu time, para analisar, adaptar e interagir com as novas tendências.

O que é plano de marketing?

O plano de marketing é um conjunto de ações de marketing de uma empresa, para alcançar um ou mais objetivos, ou seja, é uma ferramenta de gestão necessária para a empresa que busca se manter competitiva no mercado de trabalho.

O principal benefício de ter um bom plano de marketing é dar segurança para o seu time entrar em ação. E mais, contribuir para a empresa criar ações de marketing, relacionadas a persona e a imagem que deseja construir.

Como elaborar um plano de marketing?

Você precisa seguir 4 pontos principais:

#01. Crie o perfil ideal do cliente – a sua Persona

Nesta etapa, a empresa precisa definir para quem ela quer vender. E isso se dá, conhecendo os seus clientes ou público-alvo. Mas, o que é essa Persona? A persona é um personagem fictício do cliente ideal da empresa, com as características detalhadas. É importante este passo, porque as personas saem de algo mais geral e focam num perfil específico. No marketing, eles chamam de buyer-persona.

Você vai entender melhor com este exemplo:  Imagina uma empresa de pequeno porte de consertos de notebooks – O perfil da persona é uma jovem empreendedora com uma loja on-line, 21 anos, com renda mensal de $3.500, gosta de ler livros e correr nas horas vagas. Usa notebook para fins do trabalho, pois usa suas mídias sociais para publicações e divulgações de novos produtos.

Cuidado para não confundir persona com público-alvo. A diferença é que o público-alvo é uma definição mais genérica dos clientes, e a persona, por sua vez, é uma identifica bem definida e com características marcantes, como no nosso exemplo citado acima.

Este perfil fictício ajuda a descobrir como a empresa se comunica melhor com os seus clientes, assuntos de interesse e assim, utilizar estratégias de marketing na hora de abordar vendas da empresa, como por exemplo as mídias sociais.

#02. Avalie a situação da empresa e do mercado

É de grande importância nesta etapa, a empresa conhecer o mercado de trabalho e saber quais são os seus pontos positivos e negativos dos seus produtos ou serviços. Quando se conhece a concorrência, é possível trabalhar num ponto específico chamado: diferencial da marca. Isso traz muito valor à empresa e a qualidade da marca, atraindo assim novos e fiéis clientes.

Neste processo, é fundamental conhecer as forças e fraquezas da empresa, as oportunidades para atingir os clientes ideais e as ameaças das quais precisa de defender. Existe um método chamado matriz SWOT.

A sigla em inglês SWOT são as quatro iniciais de Strengths, Weaknesses, Opportunities e Threats. O que significa isso? É fácil, vamos lá!

Análise Swot como uma ferramenta estratégica para o plano de marketing
Foto de Solen Feyissa no Pexels

Forças e fraquezas são características internas da empresa, as quais você tem controle. Veja alguns exemplos:

  • Forças: profissionais treinados, localização de fácil acesso, ótimo controle financeiro, clientes fidelizados.
  • Fraquezas: marca pouco divulgada, pouco capital para investir, desorganização de gestão.

Oportunidades e ameaças são condições do ambiente externo da empresa, as quais não tem controle. Alguns exemplos:

  • Oportunidades: abertura de um possível cliente perto de seu negócio, redução de impostos, investimentos seguros.
  • Ameaças: aumento dos juros, fortes chuvas paralisando o transporte em sua região, um novo concorrente no mercado.

É importante colocar estas informações numa página em branco ou numa planilha para visualizar melhor e, realizar uma melhor análise da sua empresa.

#03. Defina os seus objetivos

Nesta etapa, você deve avaliar quais são os objetivos que quer alcançar e assim, definir os próximos passos para o plano de marketing da empresa. Os objetivos podem variar, como conquistar novos clientes, aumentar as vendas, fidelizar os clientes antigos, dentre outros. Para definir melhor os objetivos, precisa ter algumas características, para ficar bem explicado. Existe uma metodologia chamada SMART, que devem ser específicos, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais. [link abaixo]

#04. Defina as suas ações

Agora sim, mãos na massa! Tirar as ideias do papel é de suma importância para colocar o plano de marketing em ação.

Para consolidar as estratégias de marketing e determinar as melhores ações para atender os seus objetivos, pode-se seguir os 4Ps do mix de marketing:

ebook inbound e outbound
  • Produto;
  • Preço;
  • Praça;
  • Promoção.

#05. Inclua as estratégias de comunicação no seu Plano de Marketing!

O marketing é muito amplo e vai depender muito do perfil da empresa, mas separamos algumas dicas legais!

Investir em estratégias de comunicação é o melhor passo a seguir, para isso você deve conhecer a sua persona e saber como ela se relaciona com a empresa de maneira online ou offline.

O próximo passo é sempre se comunicar com o cliente seja por blogs, mídias sociais, telemarketing, emails, mensagens.

Com o seu plano de marketing em andamento, você pode acompanhar os seus objetivos e se estão sendo alcançados. Caso não, podem ser ajustados quantas vezes forem necessários, com muita cautela, claro. Não comece a fazer a todo momento, analise com cuidado cada situação específica e veja os pontos que podem ser melhorados.

Por fim, você vai gostar de ver o exemplo do plano de marketing na prática. Veja o exemplo do Twitter ou melhor, segue o fio!

Curiosidade sobre o Twitter!

O Twitter foi criado em 2006 por Jack Dorsey, Noah Glass, Evan Williams e Biz Stone, quatro sócios visionários do Vale do Silício (Estados Unidos). É uma rede social que simula um blog, no qual oferece 280 caracteres, para você digitar a sua mensagem sobre “O que está acontecendo?” para todos os seus seguidores, chamadas de Tweet.

Uma das principais ferramentas do Twitter, os Trending Topics, disponibiliza aos usuários os assuntos mais falados do mundo no momento. As notícias são de maneira rápida e dinâmica entre os seus usuários.

Twitter como uma ferramenta estratégica para o plano de marketing
Foto de Solen Feyissa no Pexels

Seu plano de Marketing

O Twitter ganhou popularidade apenas em 2007, durante o festival de música e novos talentos South by Southewest (SXSW).

A maior divulgação do Twitter, foi num evento e este, foi um grande case de sucesso. Foram dispostas enormes telas que mostravam, em tempo real, as mensagens do Twitter. O sucesso foi tão grande que o volume de postagens na rede social triplicou durante o evento.

E, até os dias atuais, o Twitter se tornou um espaço para compartilhar momentos, fatos que estão acontecendo em momento real, eventos na TV ou até mesmo em outras redes sociais, memes, causas sociais e movimentos importantes e, também conteúdos pessoais.

Os princípios que a empresa segue é que as pessoas tenham um espaço livre e seguro para conversar. Por isso, eles estão constantemente melhorando as regras e processos, tecnologia e ferramentas.

Se liga nos números! Em 2020, as estatísticas do Twitter que prevaleceram foram:  330 milhões de usuários ativos; 500 milhões de tweets postados todos os dias; 23% da população da internet estão no Twitter.

E, em abril de 2021, o Twitter publicou pela primeira vez o Relatório de Impacto Global, o documento, segundo a empresa, é uma forma de transparência sobre o trabalho e os impactos que a empresa causa no mundo.

O relatório conta com cinco grandes áreas: Serviço, Governança, Pessoas e Cultura, Twitter for Good e Planeta.

O Twitter afirmou que continuará trabalhando na evolução de iniciativas e que passarão a divulgar mais esforços pro futuro, além de conscientizar a população sobre o meio ambiente.

Um dos pontos mais importantes do Twitter é o perfil dos seus usuários. Eles são diferenciados porque são influentes, receptivos  e geram resultados. Então, quando estiver pensando em alguma campanha para empresa, comece por lá! Eles são considerados os mais engajados, e fazem parte da audiência mais influente da internet. O Twitter conta com soluções comprovadas para ajudar a empresa a conquistar os seus KPI’s e ROI em tempo real.

Conclusão

Contar com um bom plano de marketing para a sua empresa, estruturado e bem pensado para atingir as suas metas e objetivos da marca não é uma coisa só para grandes empresas e multinacionais.

Pelo contrário, pode ser feito em qualquer empresa e vai garantir uma melhor competitividade do seu negócio no mercado.  Se você estiver preparado para aumentar a visibilidade do seu negócio, fale com a gente e se surpreenda!

ebook planejamento de marketing de sucesso

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Marcadores:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Search
Generic filters
Exact matches only

SOBRE O AUTOR:

Rodrigo Henrique

Assine nossa Newsletter:

O melhor conteúdo de marketing na sua mão!

Se inscreva na nossa newsletter e receba conteúdo de qualidade gratuitamente!

Novo Titulo para popup

Novo Texto do popup

Fique por dentro do Marketing Digital

Se inscreva agora na nossa newsletter

Você receberá tudo que há de novo sobre Marketing Digital. Relaxe, não enviaremos spam!

ELIAS COELHO

GUIA CRIATIVO

“LEMBRA DAQUELE CARA QUE DESISTIU? NEM VOCÊ NEM NINGUÉM”

Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele. Pois é, na verdade é um nome artístico, escolhido pelo próprio para… Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele. Pois é, na verdade é um nome artístico, escolhido pelo próprio para… Vamos começar com uma curiosidade, Elias não tem nada de coelho no nome registrado dele.