O Google PageSpeed Insights é o indicador de velocidade para websites do Google. Aprenda como atingir a nota 100 e ficar à frente dos seus concorrentes.

por Diego Lucas | março 19, 2019

Facebook
Twitter
LinkedIn
Instagram

 

“Lembrem-se que tempo é dinheiro”, já dizia Benjamin Franklin no Século XVIII, e apesar de todos esses anos que se passaram, nada mudou. O tempo continua sendo um fator primordial, principalmente quando falamos sobre tempo de carregamento do seu site.

Não é novidade que sites que demoram muito tempo para carregar criam uma experiência negativa para o usuário, e consequentemente geram uma taxa de rejeição altíssima.

Felizmente, há alguns anos o Google criou a ferramenta Pagespeed Insights, que cria métricas para a velocidade de carregamento do seu site e dá dicas de como melhorá-lo.

O que é o Google Pagespeed Insights?

O Google Pagespeed Insights é uma ferramenta online gratuita que avalia a velocidade com que seu site é carregado.

Após fazer a avaliação, ele mostra resultados tanto para dispositivos Mobile quanto Desktop, dando dicas de como aumentar a pontuação em ambas as plataformas.

Agora, o que é de grande importância é entender o que influencia na nota gerada.

Como funciona o sistema de pontuação?

O modo como ele gera a nota pode ser resumida em “experiência do usuário”. Todos sabem que ninguém gosta de esperar um site carregar, e muitas vezes isso pode ser um fator decisivo na hora de captar um lead em um site de conversão.

Basicamente, a ferramenta irá contabilizar o tempo que levou para carregar cada arquivo do seu site, como imagens, vídeos, arquivos CSS e HTML. Depois, é mostrado os que levaram mais tempo para serem carregados e o quanto podem ser otimizados.

Porque você deve se preocupar com a sua pontuação?

Não é segredo que o objetivo de todas as estratégias de SEO consiste em atingir o topo dos resultados de busca, e a forma como o Google distribui essas posições privilegiadas pode ser muito bem entendida como os sites em que os usuários “gostam” mais, ou seja, que possuem uma menor taxa de rejeição.

Assim, segundo uma pesquisa realizada pelo Backlinko, descobriu-se que o tempo de carregamento do site está diretamente ligado com a taxa de rejeição do mesmo, e que 40% dos usuários abandonam um site que demore mais de 3s para carregar. Ou seja, garantir uma boa otimização de seus arquivos, imagens, e servidor, podem aumentar significativamente suas vendas e clientes.

Como você pode atingir a pontuação máxima?

  1. Otimizar seus arquivos e ficheiros

Essa otimização consiste em retirar todos códigos que não estejam sendo usado no seu HTML, CSS e Java Script. Recomendamos que inicialmente seja feita manualmente, retirando tudo que não tenho utilidade no seu código. Após fazer essa limpeza, existem diversos plugin para fazer uma compressão dos arquivos. Na Colina Tech, nós usamos o WP Rocket, que tem a opção de minimizar e combinar todos os respectivos arquivos.

Após fazer essa otimização, sua pontuação já deve ter aumentado consideravelmente, e a diferença pode ser notória ao recarregar a página.

  1. Otimizar as imagens

Assim como no passo anterior, inicialmente teremos que fazer uma melhoria manual nas nossas imagens. No painel do Google Pagespeed Insight é mostrado quais imagens estão impedindo o carregamento da página, e serão nelas que iremos focar. Selecione todas que estão com atraso, e então insira e insira um site para comprir imagens, como o Optimizilla, e então substitua as imagens originais pelas que você acabou de comprimir.

Ao fazer isso, existem plugins que irão comprimir ainda mais elas. Aqui na Colina Tech nós usamos o Short Pixel, que é capaz de fazer a otimização de forma rápida e prática.

  1. Bom uso do cache

O cache é essencial para que seu site possa aumentar sua pontuação, pois é ele que vai ser responsável por “lembrar” as informações do seu site quando você atualiza a página.

Para fazer uma boa gestão do cache, recomendamos o uso do plugin W3 Total Cache, que fornece uma interface simples e poderosa que pode ser configurada em questão de minutos.

  1. Faça uso do AMP

Uma iniciativa do próprio Google, o Accelerated Mobile Pages (AMP) promete um carregamento bem mais rápido nos dispositivos Mobile. Isso acontece pois é removido vários conteúdos para Desktop que seriam inúteis no Mobile, e então as páginas são carregadas quase que instantaneamente. Ou seja, ele retira uma boa parte dos recursos que foram empregados no site para que o usuário consiga a melhor experiência possível.

Um dos plugins mais famosos para fazer a implementação do AMP é o AMP for WP, com mais de 80.000 instalações e com suporte e atualizações constantes.

Ficou interessado? Nós da Colina Tech podemos te ajudar com isso! Será um grande prazer para nós podermos conversar e entender melhor sobre a sua necessidade e construir o site de conversão para o seu negócio. Entre em contato!